Pular para o conteúdo

Brasil registra 25 mil explantes

  • Autor: Fernando Amato ,
  • publicado em:

Brasil registra 25 mil EXPLANTES

Apesar de raras, a doença do silicone e a Síndrome ASIA podem estar relacionadas ao aumento da procura pelo explante mamário. Mas uma mudança de comportamento estético, relacionada a uma aparência mais natural, pode ser indicada como a principal causa pela procura da retirada de próteses mamárias.

O último levantamento realizado pela Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica e Estética, em 2020, mostra que Brasil realizou 1,3 milhão de cirurgias plásticas em um ano e, desse total, 25 mil procedimentos foram para a retirada de implante de silicones (explante) e 105 mil mastopexias – procedimento para reposicionar os seios, sendo a 5ª cirurgia estética mais realizada no ano.

As mulheres estão se emponderando cada vez mais e deixando de lado as opiniões alheias, passando a gostar mais dos seus corpos e valorizando o natural. E isso é muito bem-vindo.

 

Doença do Silicone – é um termo genérico, que pode englobar todas as complicações relacionadas ao implante. Porém, muitos a associam apenas com toxicidade causada pela presença do silicone, que pode até ocorrer extravasamento do implante sem ele estar rompido.

 

Síndrome ASIA – o implante de silicone serve como gatilho para desenvolver sintomas semelhantes aos das doenças reumatológicas e autoimunes como dor nas articulações do corpo, cansaço, distúrbios do sono, perda de cabelo, olho e boca secos.

Marcações:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

nv-author-image

Dr. Fernando Amato

Cirurgião Plástico CRM/SP 133826